Resenha: Meu Amor, Meu Bem, Meu Querido

Autor(a): Deb Caletti
Editora: Novo Conceito
Número de páginas: 240
Avaliação: ☆ ☆ ☆ 
Será Que Um Verão Pode Mudar o Que Sabemos Sobre o Amor, a Família, o Destino e O Próprio Coração?


É verão no nordeste da cidade de Nine Mile Falls e Ruby McQueen, de 16 anos, comumente conhecida como A Garota Calada, está saindo com o maravilhoso, rico e louco por emoções Travis Becker. No entanto, Ruby está num beco sem saída e percebe que se arrisca cada vez mais quando está com Travis. Em um esforço para manter Ruby ocupada, sua mãe, Ann, a arrasta para o clube de leitura semanal que ela comanda. Quando descobrem que uma das criadoras do clube é a protagonista de uma trágica história de amor que estão lendo, Ann e Ruby planejam um encontro dos amantes de longa data. Contudo, para Ruby essa missão acaba sendo muito mais do que apenas uma viagem...


Minha Opinião:

  Meu amor, Meu bem, Meu querido é o segundo livro da autora Deb Caletti lançado pela editora Novo Conceito. O primeiro foi Um Lugar para Ficar, um livro que eu gostei, vocês podem conferir a resenha aqui.
   Neste, temos como protagonista Ruby de dezesseis anos, esta sendo a típica garota certinha, a filha exemplar. As coisas começam a mudar quando ela conhece o apaixonado por perigo Travis. Em uma relação improvável, eles começam a explorar o perigo juntos. Em um destes momentos a situação saí do controle e Ruby percebe que o que ela esta fazendo é errado e muito! Ela precisa mudar, afinal ela nunca arranjou problemas sendo a certinha Ruby, entretanto agora.
"Qual é a coisa mais pesada do universo?.

- Uma baleia azul
- Não. Eu disse a coisa mais pesada.
- Um arranha céu.
- Não
- Uma cadeia de montanhas.
- Não.
- Eu desisto!
- Um segredo! - falou - um segredo é a coisa mais pesada do universo." 
   Em uma tentativa de distração sua mãe Ann a leva ao grupo de leitura que ela direciona semanalmente. O grupo é composto por pessoas idosas, e uma das fundadoras é Lilian, uma senhora que sofreu derrame e esta debilitada. Lá elas descobrem que Lilian é a protagonista de uma história de amor do livro que estão lendo. O grupo decide ajudar no reencontro do casal principal da trama. Uma louca viajem em busca do verdadeiro amor.
   A primeira impressão que eu tive do livro foi um romance adolescente, ao estilo mocinha x bad boy  apesar de ser um tremendo clichê eu gosto de curtir um cara mau. Haha. Mas Travis não é exatamente o que encontramos nos outros livros, ele é simplesmente mau, não encontramos nenhuma qualidade nele e sim um cara egoísta, grosso e marginal. Logo imaginamos que o foco do livro não é um romance para Ruby. Na metade do livro conhecemos o romance antigo de Lilian e Charles e como a Ruby passa a se entrosar neste meio, no grupo de leitura.
   Ao analisar o que achei da leitura chego a conclusão que não foi exatamente o que eu espera. Esperava algo mais jovem, mas me frustei um pouco com a narrativa da autora. É em primeira-pessoa por Ruby, mas eu não consegui identificar os pensamentos dela, os sentimentos. As coisas passam-se depressa, e é como se ela tivesse somente contando e não vivenciando cada momento, eu sempre me frustro quando encontro isso.
   Entretanto, o livro passa uma mensagem legal, possui bons quotes e eu encontrei diversas resenhas positivas sobre o mesmo. Talvez eu se eu tivesse aguardado outro momento para realizar a leitura eu tivesse realmente gostado da história, me entregado na leitura. Estou naquele momento de querer algo divertido e “superficial” para ler, desejando um boom chick-lit. Haha

“Por que o que é o amor senão o mar? Você pode brincar com ele ou se afogar nele. Certamente é luminoso, tanto que pode machucar seus olhos e até mesmo cobri-los de sal e areia. Pode  esconder-se numa curva da estrada e então, de repente, resplandecer de gloria. Ele vem em ondas como a respiração, para dentro e para fora, para dentro e para fora, o corpo tenso para todas as possibilidades e, ainda assim, o cerne dele esconde, não é completamente conhecido, inconcebivelmente majestoso.”


Comentários
16 Comentários

16 comentários:

  1. HA!!! eu to doidinha pra ler este livro, achei a capa linda e a sinopse me pegou de jeito.

    Gostei muito da sua resenha, acho que estou neste momento pra ler livros assim... hehehehehe ;)

    bjo^^

    ResponderExcluir
  2. Vi algumas resenhas sobre esse livro achei interessante, mas ainda não me conquisto, sabe? Ótima resenha... Grande Beijo!

    Camila - Meu Livro Cor-de-Rosa
    http://meulivrocorderosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. A capa do livro é bem boitinha!
    Mas não estou no momento para livros teens, estou dando um tempo com personagens teens, mas sempre acabo encontrando é inevitável!
    Sua resenha está ótima, muito sincera! Também penso que tem certos momentos para ser ler certos tipos de livros!

    Beijos,Tahis.
    lovesbooksandcupcakes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Comprei esse livro em ebook e não vejo a hora de começar!
    A capa é bem fofinha *-*
    Adorei a resenha!
    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Poxa, me desanimei um pouco, mas vou esperar o livro chegar para tirar minhas próprias conclusões.
    Ótima resenha!

    ResponderExcluir
  6. Como tu já sabe eu gostei bastante dele.
    Achei o livro bem melhor que o primeiro que li da Deb, mas se tratando de um livro mais adolescente ele é bom sim!

    Beijos girl
    www.intheskyblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Este livro está na minha estante e não vejo a hora de poder lê-lo... Espero gostar. Parabéns pela resenha.

    Abraços.
    Entre Livros e Livros.
    http://musicaselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Vi muitos comentários negativos sobre esse livro. Já lendo a sinopse não me senti muito animada e depois de ler tantas resenhas negativas eu já tirei ele na minha lista de possíveis leituras.

    ResponderExcluir
  9. Gostei muito da sua resenha, apesar do livro não ter me chamado
    muita atenção como das outras vezes.
    Mas lendo assim novamente, me convenceu, pois ele parece ser muito bom mesmo.
    Mas eu estou com tantos livros para ler que tenho que parar de comprar um pouco.
    E o pior que hoje na Livraria a mulher me mostrou um monte de lançamento e se não fosse meu
    pai para me tirar, eu acho que ia tirar mais dinheiro do banco pra comprar livros haahahah...Mas enfim.

    Gostei muito de tudo que você escreveu. Parabens.

    Olha linda, eu devo ter visto você comentando em meu blog, mas você não me respondeu se esta me seguindo,
    pois já tem tempo que eu estou e queria saber se voce poderia me avisar sobre o fato me deixando o seu nome
    de seguidora, porque eu toh fazendo uma limpeza antes que meu layout novo entre.
    Por favor, se puder, ficarei grata.
    beijinhos e obrigada

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. não li resenhas muito boas sobre ele, e nem sei se ele vai entrar na minha lista de leitura :/

    ResponderExcluir
  11. Ai eu estou fugindo um pouco de livros adolescentes, acabei me cansando um pouco das histórias e apesar de ter achado a capa desse livro bem bonitinha não havia me interessado em lê-lo não. Sua resenha foi bem sincera e isso é muito bom.

    Beijos (:
    http://literarioecultural.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi Gih!

    Confesso que o título do livro havia me chamado a atenção, mas não havia parado para ler do que se tratave. Gostei muito da sua resenha, foi sincera e puntuou muito bem os pontos positivos e negativos. Quanto a leitura superficial. Já leu Do Seu Lado da Fernanda Saads, ótimo para o que você quer e é uma leitura muito gostosa.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Eu também já li diversas resenhas sobre esse livro.
    Uma coisa que não vi você dizendo mas vi em outras resenhas é que tem algumas partes engraçadas com a Ruby no clube da leitura.
    Será que não tem mesmo ?

    ResponderExcluir
  14. Poxa, eu estava com tanta vontade de ler o livro, mas depois das narrativas confusas eu fiquei meio em dúvida. Não sei se dou uma chance para ele.

    ResponderExcluir
  15. Eu tbm acho que mts vezes, um livro pode ser mt bom, mas pelo fato de não estarmos num momento ideal pra leitura, ficamos meio que com um vazio, esperando algo mais... :-)
    quero mt ler esse livro e o fato de er narração em primeira pessoa me animou ainda mais, pois acho livros assim mais faceis de ler.

    Bjok

    ResponderExcluir
  16. Algumas pessoas não gostam desse livor, mas acho que depende de cada um. As vezes uma leitura rápida sem ser bem complexa é bacana de se ler. Descontraída, sabes?

    ResponderExcluir